Para muitos ciclistas, a bicicleta na estrada é sinônimo de riscos, acidentes e bastante adrenalina. Por esses motivos, alguns atletas ainda têm receio de encarar essa aventura. Pensando nisso, resolvemos fornecer, neste artigo, diversas orientações para que você aprenda como pedalar na estrada.

Sem dúvidas, após a leitura deste conteúdo, você estará mais preparado para seguir viagem.

1. Use equipamentos de segurança 

Antes de sair de casa, confira se você possui todos os equipamentos de segurança. Veja abaixo quais são os mais importantes:

  • acessórios refletivos;
  • capacete;
  • campainha;
  • roupas;
  • luz noturna traseira e dianteira;
  • espelho retrovisor;
  • roupas claras; 
  • óculos de proteção e equipamentos de manutenção: chaves de raio, boca, philips, allen, espátulas de pneu, extrator de pino, entre outras. 

2. Pedale no acostamento  

Nas áreas urbanas, os ciclistas utilizam as ciclovias. Como as estradas ainda não possuem um acesso exclusivo para a bike, o ideal é pedalar pelo acostamento. Outra saída é ir pelo bordo extremo direito no mesmo sentido regulamentado para a via. No entanto, vale um alerta importante: a contramão nunca é indicada, pois é mais arriscada para os ciclistas. 

De acordo com o Código Brasileiro de Trânsito (CBT), a bicicleta nas estradas é considerada um meio de transporte assim como os outros veículos e deve andar na mão correta da pista. Caso contrário, mesmo que no acostamento, pode gerar uma confusão nos motoristas e provocar graves acidentes.

3. Cuidado com armadilhas 

É necessário redobrar a atenção em estradas onde o espaço da pista fica pequeno, especialmente em mão dupla. Podemos citar alguns casos, entre os quais: 

  • veículos em ultrapassagem;
  • caminhões cruzando em sentido contrário;
  • pontes ou buracos na pista. 

Nestas situações, é bastante frequente o motorista não perceber ou ignorar a presença do ciclista. Então, fique atento! Além disso, evite pedalar ao pôr do sol, pois, durante esse período do dia, a visibilidade dos condutores fica prejudicada.

4. Fique de olho nas curvas  

As curvas, ou subidas seguidas de descidas, são consideradas vilãs para os ciclistas, uma vez que os motoristas não conseguem notar a aproximação de algum veículo no sentido contrário. Dessa forma, não podem mudar de pista para aumentar a distância em relação ao ciclista. Portanto, mantenha a sua atenção para evitar acidentes. 

Geralmente, o trânsito é mais intenso na capital e os motoristas costumam ficar mais espertos com os outros veículos na pista. Todavia, nas estradas a situação é diferente. Em alguns locais, carros trafegam com uma velocidade superior a 100 km/h. Portanto, mantenha-se no acostamento, dobre a atenção nos cruzamentos e nunca se esqueça da sinalização traseira da bike.

Neste ano, o movimento maio amarelo foi elaborado com o objetivo de chamar a atenção da sociedade para o número elevado de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo. Sendo assim, é essencial que os ciclistas façam também a sua parte. Pratique a segurança defensiva, pois todos saem ganhando, combinado? 

Agora que você já sabe como conduzir sua bicicleta na estrada, que tal compartilhar este post em suas redes sociais? Afinal, seus companheiros também precisam de segurança.