Sinônimos de proteção, segurança, desempenho ou apenas simples acessórios? Qual a sua percepção sobre as luvas para ciclismo? Acessório recomendando na prática de esportes com bicicleta, as luvas costumam ser deixadas de lado, principalmente por atletas não profissionais. Mas, assim como o capacete e os óculos, as luvas são de extrema importância para segurança e melhoria do desempenho dos esportistas.

Vento, chuva, sol forte, insetos, imprevistos e acidentes de todos os tipos. Amador ou profissional, o praticante do ciclismo deve estar preparado e equipado para o exercício seguro e para enfrentar as mais diversas situações que envolvem essa atividade esportiva.

Daí a importância de escolher os acessórios adequados e se resguardar na medida do possível. Conheça alguns bons motivos para o ciclista utilizar esse acessório tão importante para as mãos:

Questão de segurança

Segurança. Só esse item já deveria ser suficiente para convencê-lo a utilizar luvas nas atividades ciclísticas, já que esse equipamento o protegerá durante as quedas e também contra os insetos, galhos e espinhos, evitando ou minimizando ferimentos nas mãos e tensão nos punhos.

Com a utilização desse acessório, o ciclista também previne dores nas mãos, pois as luvas ajudam diretamente na absorção do impacto causado nos trechos. Sem a absorção, esses impactos se refletem em outras partes do corpo como braços, ombros, costas e até no pescoço.

Além de ser uma proteção para as mãos do ciclista, determinados tipos de luvas auxiliam diretamente na performance do esportista. Isso acontece porque alguns materiais permitem uma maior aderência e conforto durante a atividade.

Cuidado com os materiais

Ao adquirir uma luva para ciclismo, é preciso ficar atento ao material com que elas foram confeccionadas e que terá contato com a palma da mão. Essa é a região que mais sofre com o atrito causado pelo guidão. Por isso, o ideal é optar por luvas que tenham um pouco mais de densidade na palma das mãos.

Alguns modelos disponíveis no mercado também contêm silicone nas pontas dos dedos, material que ajuda diretamente na melhoria da performance, pois facilita a pilotagem ao garantir mais aderência.

O mercado oferece ainda modelos superforrados, ventilados e flexíveis, com camadas de gel e neoprene e diversos outros materiais sintéticos.

Escolha das luvas

Antes de decidir qual par de luvas comprar, você deve levar em consideração a modalidade que você vai praticar com a sua bike. Se você vai realizar muitas manobras, o ideal são luvas que permitam uma boa aderência.

No caso de enduros e trechos com mata fechada, a melhor opção são aquelas que protegem toda a extensão de sua mão. Já no cross-country, o indicado são luvas fechadas até a metade dos dedos. Para provas de longa distância, há ainda as opções com gel e neoprene.

Não se esqueça de observar também se o material de sua luva é leve mas resistente e ainda se permite ampla mobilidade e proteção. Ao experimentar um modelo, fique atento ao ajuste: estenda e feche os dedos, mova sua mão e verifique se está confortável. 

Agora que você aprendeu a escolher suas luvas para ciclismo, conheça mais sobre outros acessórios para a prática esportiva. Conheça um pouco mais sobre as bermudas de ciclismo. Boa leitura!