Exercitar a liberdade em sua plenitude, deixar fluir a adrenalina e a emoção, interagir com a natureza, vencer os limites do corpo… O ciclismo é tudo isso e muito mais, pois cada praticante encara o esporte em seus próprios termos. Mas para que você continue a fazer o que ama e obter benefícios físicos e mentais, é fundamental aprender como evitar lesões.

Neste post, vamos falar sobre os principais riscos aos quais os ciclistas estão expostos quando não tomam os cuidados necessários para pedalar com segurança, seja na academia, em trilhas ou nas ruas. Vamos lá!

Ajuste a bicicleta ao seu corpo

O ciclismo é uma das modalidades mais saudáveis dentre todos os esportes, sendo conhecido por ajudar a aumentar a resistência cardiorrespiratória, a flexibilidade e a força muscular. Porém, uma bike mal ajustada pode trazer sérios danos físicos e motores ao usuário.

Antes de começar a pedalar, peça ajuda de um especialista e faça a configuração ideal ao seu porte físico (Bike Fit), para que você evite dores nas costas, parestesias (perda de sensibilidade) e até mesmo uma hérnia de disco.

O ajuste deve permitir a melhor inclinação e o máximo conforto para o usuário, dependendo do objetivo a cumprir. Circuitos mais velozes pedem configurações mais aerodinâmicas, enquanto passeios recreativos permitem posições menos inclinadas para as costas.

Não se esqueça de alongar e aquecer

O alongamento prepara o corpo para o estresse físico, diminuindo as chances da ocorrência de lesões em inúmeros grupos musculares, além de ajudar a prevenir a tendinite nos joelhos.

Em qualquer esporte, aquecer antes das sessões de treinamento aumenta a eficiência e a resistência do equipamento primordial do atleta: o seu corpo. No caso do ciclismo, o aquecimento ativa a circulação, aumenta a temperatura corporal e prepara o sistema cardiovascular e pulmonar para o impacto que virá.

Escolha roupas e calçados ideais

Uma boa maneira de evitar a fascite plantar — aquela dolorosa sensação de que a sola do pé está “queimando” — é usar sapatilhas próprias para o ciclismo. Além disso, bermudas com forro composto de espuma de alta densidade deixam o passeio mais confortável, dificultando o aparecimento da parestesia, a perda de sensibilidade temporária, ocasionada pelo contato com o selim.

Esteja bem disposto e bem alimentado antes de pedalar

Nada de pedalar se você não estiver se sentindo bem, fisicamente. Ao mesmo tempo, tomar um bom café da manhã diminui os riscos de fadiga excessiva do organismo, ajudando você a enfrentar circuitos cada vez mais exigentes com o tempo.

Não exagere na intensidade das pedaladas

A sobrecarga nas pedaladas, especialmente nas subidas, pode comprometer a musculatura e produzir dores intensas após o exercício. Técnicas incorretas ao pedalar também são prejudiciais, pois aumentam o impacto nos joelhos e nas articulações.

Portanto, evite esforços muito intensos, a não ser que você disponha de acompanhamento médico e de especialistas no esporte. Lembre-se: saber como evitar lesões é a maneira mais fácil de evitar que o lazer se transforme em estrese!

E então, gostou do texto? Assine nossa newsletter e receba outros artigos e conteúdos feitos sob medida para os amantes do ciclismo!